PRINCIPAL EVENTOS
APRESENTAÇÃO
ARTE
CULTURA
LITERATURA REGIONAL PROJETO ABCERRADO LIVROS
REVISTAS
ARTIGOS
PESQUISAS

MÍDIA/CONTATO
EQUIPE





 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Profa. Dra. Regina Coelly Fernandes Saraiva


Tradição e Modernidade em Planaltina

O embate tradição/modernidade marcou durante muito tempo a história de Planaltina. Eivado de preconceitos, distorções e negações, esse embate envolveu durante muito tempo a cidade e seus moradores.

Planaltina é parte do sertão. Nasceu, primeiro, como cidade goiana, no século XVIII. A região onde se situa era parte do circuito do ouro em Goiás. Com o declínio da mineração, no final século XVIII, a base da economia passou a ser a agricultura e a pecuária, definindo a vocação rural de muitas localidades do interior goiano até meados do século XX. Essa vocação esteve durante muito tempo associada à visão de “decadência” que marcou toda a região, e que também atingiu Planaltina...




Regina Fernandes, com seus alunos do Mestrado Profissional junto aos Povos
e Terras Tradicionais do Centro de Desenvolvimento Sustentavel - CDS.
Aula de pesquisa histórica e fontes documentais.
Alunos de comunidades tradicionais do Brasil.


Território, patrimônio e identidade cultural
na economia criativa em Planaltina

Planaltina possui valioso patrimônio cultural constituído antes da construção de Brasília, ainda quando a cidade pertencia aos vastos sertões de Goiás. Festas tradicionais religiosas, antigos casarios e outras tradições estão presentes na cidade. O cerrado é o bioma predominante na região e suas áreas remanescentes representam valioso patrimônio ambiental. A pesquisa revelou a presença de arranjos produtivos locais em Planaltina de artesãos e artesãs, cujos produtos estão relacionados ao patrimônio cultural e ambiental da cidade...






Casarão na Praça Cel. Salviano Monteiro Guimarães




Av. Cel. Salvador Coelho



Mourão que ficava em frente a Igrejinha São Sebastião,
queimado por vândalos em 2006.



Na foto visualiza-se a antiga Igreja, no final da Av. Goiás, onde o hoje se localiza
a Igreja Matriz. No início dos anos 60 ela desabou, pois encontrava-se  com sua
estrutura abalada, já que passava  um rego de água atrás dela.
 Foto: Depha 1954.



Festa do Divino Espírito Santo - Praça Ce. Salviano Monteiro Guimarães
Foto DEPHA



Rodoviária de Planaltina, localizada na entrequadra 02 e 03 da Vila Buritis - 1970
Fonte: Arquivo Público do DF

 


Vila Buritis - 1970
Foto: Arquivo Público

V O L T A R


   

Copyright © Portal Cerratense - 2017 - Todos os direitos reservados.
ISSN -  2447-8601